Pular para o conteúdo principal

Pico do Jaraguá


E no dia 23/08/2014 vou lá fazer uma das coisas que mais gosto nessa vida: passear!
Mais um passeio com o pessoal da minha querida igreja: uma trilha no Pico do Jaraguá. Apesar de trilha não ser o forte dela, a Beth encarou e foi comigo e com a Lívia.
A Meire organizou o passeio com os adolescentes da igreja, mas o passeio acabou se estendendo pra igreja toda.
Dormi na casa da minha mãe pra não perder a hora, forramos a mochila com lanchinhos e seguimos, o ônibus muito animado, dessa vez com muitos jovens e adolescentes, já que a princípio o passeio era pra eles, e algumas famílias também, pois o ônibus levaria até o topo quem não quisesse fazer a trilha.
Quando chegamos ao Parque Estadual do Jaraguá, tivemos um momento de lanche seguida de uma devocional onde o pastor falou sobre a natureza, e de como devemos ser agradecidos a Deus por nos presentear com tamanha beleza, além dos cuidados que devemos ter com a criação.













Então subimos a trilha do Pai Zé, bastante íngreme, quem estava com criança pequena foi de ônibus, e nós, os aventureiros quase morremos pra chegar lá no alto, rssssssssss!
É uma delícia, apesar do sol de rachar que nos torrava, estávamos muito felizes de fazer a trilha, a Lívia num pique só, nem parecia que tem asma, subiu aquilo tudo praticamente correndo, enquanto eu, carregando a mochila, estava a pôr os bofes pra fora!

















Logo no começo da trilha vimos encantadores saguizinhos, cujo nome científico é Callithrix Jacchus (a gente também é cultura!!!), uma belezinha. Que vontade de pegar e apertar. Durante a trilha toda víamos essas criaturinhas lindas. Mas também vimos um ouriço-caixeiro e alguns macacos-prego, além do ar puro naquela mata preservada, tão pertinho do centro de São Paulo...
Ao final da trilha tinha uma escadinha pra subir, aquela escadinha... afffff, foi o fim, achei que não conseguiria, mas consegui, gente estou fora de forma, fazia tempo que não encarava uma trilha dessas!




Força, Pastor!
Tá quase lá, Beth!
Pegamos um trechinho de asfalto e chegamos ao local onde ficam as antenas, lanchonetes (que estão desativadas), feirinha de artesanato, mirante, água de coco e SORVETE!!!
Muitos saguizinhos, inclusive a Kika, que é a matriarca, com dois filhotinhos lindos nas costas, e aquela vista linda do Parque e de São Paulo logo ali...
Mas pra ter "aquela" vista, vc ainda tem que encarar uma escadinha com uns 200 degraus!!! Tinha hora que dava vontade de sentar e chorar, brincadeirinha, só sentar e descansar, mas se fizesse isso a perna ia travar que eu sei.
Subimos, e que vista incrível, e mais saguizinhos.




Escadinha!!!








Depois descemos, fizemos mais uma horinha perto das lanchonetes, lanchamos e voltamos de ônibus, se bem que alguns corajosos, com todo pique do mundo, voltaram pela trilha mesmo.
Muito bom mesmo conhecer esse lugar tão bonito, principalmente em companhia de pessoas tão especiais. Obrigada por essa natureza linda, meu Deus!
Pronta pra próxima, Meire!!!



Comentários

  1. Legal! Faz tempo que quero levar meus filhos, mas falavam mal de lá, que estava abandonado, etc. Acho que vou me empolgar, afinal estamos bem pertinhos.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá abandonado não, Leila! Vale a pena ir sim, apesar das lanchonetes estarem fechadas, mas nada que um piquenique não resolva, eles vão gostar, e tinha bastante gente no dia que fui.
      Um abração e boa viagem!

      Excluir
  2. Estou precisando de fazer uma viagem para contemplar a natureza e o Pico do Jaraguá parece ser muito bonito. Vou inclui-lo na minha lista de santuários naturais a serem visitados. Parabéns pelo post. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena, tem uma vista muito bonita, e aqueles saguizinhos são um charme!

      Excluir
  3. O contato com a natureza é tudo de bom mesmo! Sempre renova as nossas energias...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Mais visitados

Um dia... Bonito

Todo mundo já deve ter ouvido que Bonito é Lindo, e não é que é mesmo?! Essa história já tem um tempinho...

A tralha... Ops, equipamento!

Faz pouco tempo que começamos nessa vida de campistas, e assim que decidimos comprar nossa primeira barraca, em outubro de 2011, achamos que era necessário comprar mais algumas coisinhas pra complementar, ficamos enlouquecidos e saímos comprando tudo que achávamos interessante, rssssss! E sempre que surge uma oportunidade juntamos a tralha e saímos por aí...

Isolante Térmico

Oi, gente! Passando aqui só pra dar uma dica rápida: Isolante Térmico, o frio já está voltando!!!
A maioria das vezes acampamos no verão. É que eu tenho um probleminha com o inverno: eu odeio o frio! Eu sofro demais com o frio!