Pular para o conteúdo principal

Itatiaia


Se tem um lugar que gostei de conhecer foi Itatiaia! Fui três vezes, mas sempre rapidinhas (o famoso bate-volta), ainda vou lá pra acampar, mas por hora coloco aqui as fotos dos passeios que fiz àquele lugar tão lindo!
A primeira vez foi em 2005, com minha irmã e uns amigos, pra escalar o Pico das Agulhas Negras, que fica na "Parte Alta" do Parque Nacional de Itatiaia (como se houvesse uma parte literalmente baixa lá):

Fiquei sem palavras quando vi a imponência desse lugar!!!
No meio do caminho tive vontade de chorar, de medo mesmo, me perguntava onde é que eu tava com a cabeça quando decidi subir aquilo!!! Mas a adrenalina não me deixava parar!
O caminho é árduo, mas vale a pena...

A primeira vez que usei um baudrier (cadeirinha), até que me saí bem...


Já na segunda vez eu fui com a turma da Faculdade, em 2007, foi muito bom voltar a este lugar maravilhoso, agora na companhia de pessoas que amo muito, minhas melhores amigas...

O caminho já é um espetáculo...





Cachoeira da Maromba




Água muito gelada!
Essa é a Cachoeira Véu de Noiva...

Linda, não?


Eu e minha amiga, Fabiana...


Ano passado, três dias depois que cheguei do Uruguai, voltei pra Itatiaia, dessa vez levei o Marcos comigo e fizemos a trilha dos Três Picos:


Primeira visita do Marcos ao Primeiro Parque Nacional do Brasil

Essa foi a turma que fez a Trilha









Resende bem aí embaixo...
Água fresquinha...
E potável!
Olha a situação...
Força aí!!!
Aquele é o Gigante Adormecido





Aquele é o Rio Paraíba do Sul, represado...
Meu grande companheiro de viagem...
Amo muito tudo isso!!!





Minha cor preferida: céu em vários tons de azul...

Hotel de luxo abandonado no meio do Parque
Pôr-do-Sol, visto do Jardim do hotel...
O hotel parecia assobrado...
A lua nascendo, hora de ir pra casa...

Informações básicas sobre o Parque Nacional de Itatiaia:
É o Parque Nacional mais antigo do Brasil, fundado em 1937. Sua área abrange 2 municípios fluminenses (Itatiaia e Resende) e três municípios mineiros (Itamonte, Alagoa e Bocaina de Minas).
O Parque é dividido em duas partes, a Alta e a Baixa, mas não se engane, tudo lá fica no alto... Na Parte Alta as atrações principais são o Pico das Agulhas Negras e o Pico das Prateleiras,  mas existem inúmeras outras atrações... Ali existe também um abrigo com capacidade para até 28 pessoas, o Abrigo Rebouças, considerado o mais alto do país, e o abrigo vem à calhar no inverno, já que as temperaturas podem cair abaixo de zero, ocasionando geadas e eventualmente, neve!!!
Na Parte Baixa temos o Centro de Visitantes, com auditório, museu com espécimes empalhados da fauna da região, espécimes da flora, Centro de pesquisas, biblioteca, Núcleo de Educação Ambiental e até uma Calçada da Fauna com pegadinhas dos ilustres moradores do parque... Na parte baixa também fica a famosa Cachoeira Véu de Noiva, a Cachoeira da Maromba, o Lago Azul (que parecia verde no dia que o visitei) e os Três Picos, entre outras atrações.
Vale muito a pena visitar o lugar, o camping foi proibido dentro do Parque depois de um incidente ocorrido ali, mas existem muitas pousadas nos arredores, inclusive com área para camping, e com um pouco de sorte consegue-se reservar o Abrigo Rebouças também, mas com antecedência, ok?
O valor dos ingressos é R$ 20,00, mas olha o detalhe: brasileiros pagam meia!!! Sendo que crianças até 12 anos e idosos com mais de 60 anos não pagam!
O Parque tem horário para entrada e saída, sem conversa, tem que ser seguido à risca: Parte Baixa das 08h00 às 17h00 e Parte Alta das 07h00 às 14:00 horas para entrar, com saída às 17h00 em ponto!
Você pode obter mais informações na Secretaria de Turismo de Itatiaia (Tel: 24-3352.6777 - www.itatiaia.rj.gov.br) e Secretaria de Turismo de Itamonte (35-3363-2241 - www.prefeitura.itamonte.com.br).
Tirei essas informações de pesquisas que usei no meu TCC, das próprias visitas que fiz ao local e também do site http://www.clubedosaventureiros.com, que é completo!

Comentários

  1. Respostas
    1. Obrigada! Com o tempo a gente vai aprendendo, rsssssssssssss!!! Um abraço!!!

      Excluir
  2. Lelah, vc sabe dizer se dá pra fazer a tilha das prateleiras até a base sem escalar, sem a ajuda de guias, se é bem sinalizada, abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, vou ser sincera, eu não arriscaria ir sem guia, porque parece fácil, mas fácil mesmo é a gente se perder, as trilhas são muito parecidas entre si, quando fizemos Agulhas Negras, na volta até o guia chegou a ficar em dúvida sobre o caminho a seguir, isso já na base do pico, e o cara mora lá em Itatiaia, então...
      Não cheguei a ir pro Pico das Prateleiras, até uma parte o caminho é o mesmo e acredito que na hora da trilha seja bem parecido, enquanto se está na estrada é tranquilo, na hora que pega as trilhas pequenas é que confunde um pouco a gente...
      Não lembro onde vcs moram, mas esse pessoal aqui tá sempre fazendo trilhas no Parque Estadual da Serra do Mar e Itatiaia: http://valeirape.blogspot.com.br/
      Um abraço e espero ter ajudado...

      Excluir
  3. Valeu!Essa acampada vamos ficar pela parte baixa mesmo rs, mas estamos planejando ir em junho e explorar a parte alta e quem sabe até ficar acampados por lá. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vocês vão amar, lá é lindo demais, e como eu já disse antes, não se enganem, é tudo no alto!!!
      Abração!!!

      Excluir

Postar um comentário

Mais visitados

Um dia... Bonito

Todo mundo já deve ter ouvido que Bonito é Lindo, e não é que é mesmo?! Essa história já tem um tempinho...

A tralha... Ops, equipamento!

Faz pouco tempo que começamos nessa vida de campistas, e assim que decidimos comprar nossa primeira barraca, em outubro de 2011, achamos que era necessário comprar mais algumas coisinhas pra complementar, ficamos enlouquecidos e saímos comprando tudo que achávamos interessante, rssssss! E sempre que surge uma oportunidade juntamos a tralha e saímos por aí...

Isolante Térmico

Oi, gente! Passando aqui só pra dar uma dica rápida: Isolante Térmico, o frio já está voltando!!!
A maioria das vezes acampamos no verão. É que eu tenho um probleminha com o inverno: eu odeio o frio! Eu sofro demais com o frio!